Huis Clos – HERANÇA AOS PUPILOS

No próximo dia 22, chegam às lojas as últimas criações assinadas pela estilista Clô Orozco, que infelizmente teve seu corpo encontrado num  jardim ao lado do prédio em que morava, em Higienópolis, (possivelmente suicídio).

Ainda em Setembro, a fabrica de 6.000 m² onde abriga a confecção das etiquetas do grupo Huis Clos será fechada (Huis Clos e Maria Garcia e os vestidos da linha de festa com seu nome).  Mas não sairá para muito longe, ainda no mesmo bairro, que fica localizado na Barra Funda, o novo ambiente terá apenas um terço do que era antes. Será o primeiro passo da tentativa de reerguer as grifes femininas que viraram símbolos de elegância e que há dois anos passam por dificuldades financeiras. Em outubro, a primeira coleção da nova fase será apresentada a compradores.

Looks da 40a coleção da Huis Clos, com destaque para as linhas retas e os cortes assimétricos que fizeram a fama da marca

Looks da 40a coleção da Huis Clos, com destaque para as linhas retas e os cortes assimétricos que fizeram a fama da marca

Os croquis apresentados, são criações dos estilistas que foram pupilos de Clô, ao todo são seis estilistas que a partir de agora são responsáveis por toda parte criativa.

 “Fizemos 30% da coleção do próximo inverno sem estilista-chefe, repaginando criações de Clô e alinhando a tendências internacionais”, diz Francisco Maldonado, o Kiko, novo gestor do grupo.

Redação FPM

Imagem: Divulgação

Anúncios